segunda-feira, 25 de setembro de 2006

Segunda edição de Estuário será lançada hoje!

Este jovem escritor (37 anos) informa que o livro "Estuário", lançado ano passado pela Livro Rápido, acaba de ganhar a segunda edição. A gloriosa Editora Bagaço, da saudosa Elita, resolveu fazer uma nova edição, com aquele negócio sensacional na capa: "Segunda Edição".

O livro será relançado hoje, às 17h30, na Universidade Católica, graças à louvável iniciativa do senhor Ricardo Melo, que vem a ser o coordenador do curso de Jornalismo. Fui informado pelo dito cujo, que o lançamento seria lá, durante a Semana de Jornalismo. Nem discuti com ele, porque ele é também meu chefe na escola onde ensino, apesar de estar licenciado. Temo represálias as mais diversas. Por enquanto, o local marcado é o "Café com o quê?", um nome péssimo para café, mas isso não vem ao caso.

Ao contrário do que vinha informando este jovem cronista, o referido café não funciona no bloco A, e sim no bloco G. Quem estudou na Católica sabe muito bem onde fica o citado bloco A. Quem não estudou, é só perguntar.

Após o pré-lançamento, rumaremos para o lendário boteco do Seu Vital, lugar tradicional de lançamentos os mais diversos. Falarei com Marcel Tito, se vivo estiver (o sujeito andou numas bicadas, meus amigos, que eu vou dizer), para ele levar sua roda de samba. Pagarei algumas cervejas aos músicos.

Sobre o livro:

"Estuário" é uma coletânea com as crônicas menos ruins, entre 2004 e 2005. Tinha apenas as crônicas escritas para o JC On Line, mas, como na apresentação, o senhor João Valadares citou vários textos que eu nem tinha ainda escrito, tive que escrever para não passar vergonha. Então, tirei alguns textos muito ruins mesmo, e coloquei outros, tentando melhorar um pouco o conteúdo.

A Bagaço ainda não me informou o preço, mas acho que vai ficar mais em conta.

Quem puder ajudar na divulgação, eu agradeço. Quem não puder, eu também agradeço. Nos vemos na Católica ou em Seu Vital. Em Vital, vai ser mais divertido.

Samarone

Ps. Para quem não sabe onde fica a mercearia de Seu Vital, é só ir até a Igreja do Poço da Panela. O estabelecimento fica defronte, numa esquina afamada e bem frequentada por homens distintos e moças donzelas. Quem não sabe onde fica o Poço da Panela, não é do Recife, desconfio.

15 comentários:

Adri disse...

Parabéns, Sama. Fazendo as conta aqui das hora, dá preu passar em Vital depois da aula, às nove, nove e meia... beijo grande.

Anônimo disse...

Samarone, Parabéns pela segunda edição!!
O café com quê fica no bloco G. =)

Eu vou participar da semana de Jornalismo, como estudante de jornalismo mesmo!
E durante essa semana também vai ter uma passada pela Kabum!.

Já te conheci de uma palestra que você fez na minha sala...
Bom, é isso.

Talita

fabiana disse...

Não sou do Recife, não...mas brindo aqui no cerrado mais um livro nascendo! Bom demais!
Avise se exemplares chegarem até a capital federal!

Sucesso,
Fabiana

Simone disse...

Caro Samarone,

parabenizo-o pelo lançamento da segunda edição do Estuário, mesmo sendo a 2ª e como se fosse a primeira nenão? Sucesso!

Infelizmente não poderei ir à Católica nem em seu Vital, pois assim como você os meus horários estão lotados durante a semana, vou esperar chegar às livrarias.

Um abraço

Julio Vila Nova disse...

Parabéns, Sama !

Mariana disse...

Parabéns, Sama. Mas que dia vai ser isso, mesmo? Periga eu estar no Rio, resolvendo uns pepinos. Mas guarda um exemplar pra mim. Quanto custa? Cheiro.

Priscila disse...

Caríssimo Samarone!

Pena que estou tão longe para estar presente em tão notório acontecimento!!!! Bem, espero que seja novamente um sucesso de público e crítica!!!
Como já te disse uma porção de vezes, você escreve bem demais!!! Então, só torço que continue e que este seja mais um dos muitos livros que ainda virão. Ainda quero por um acaso passar novamente em uma prateleira de Curitiba e ver na estante um livro com uma capa linda, e com o nome Samarone Lima estampado nela. Pegá-lo, comprá-lo e ficar pensando: "Puxa! Ele conseguiu!" Por que Samarone Lima só tem um né, e se o tema for ditadura, ou crônica, daí é que fica mais inconfundível ainda.

Fica um abraço bem quente da Curitibana que está curtindo alguns dias bem friozinhos por essas terras!
Priscila

Anônimo disse...

vai ter coquitel nesse seu vital?
quero ir lá.

Rafaella Sabino disse...

Olá meu lindo, tudo bom?
adorei a "palestra" hoje sobre literatura e jornalismo, viu?
:) você é muito simpático e fofo =)
Bem, o café "cocotal" e puro-elite da caótica fica no bloco G...
"café com que?"...


uff...
mas quanto custará o livro?
um beijo. fica bem.


ah! e apesar de não ter levantado a mão quando você perguntou se alguém na sala tinha um blog... eu tenho X)

também sou tímida.

ao contrário do seu... eu só escrevo bobagens sobre minha vida.
na verdade, ele anda bem abandonado.
dia 29 deste mês ele completa 4 anos.

bjoca!

Ana (amiga de Zeca) disse...

Oi Sama! Diz o dia direitinho para os não jornalistas que também não sabem quando é a semana do Jornalismo poderem ir te ver! Um beijo e até lá!

malmal disse...

ão ão ão eu vou estar lá...
claro que em Sr VITAL.
PENA QUE EU NÃO POSSA TOMAR AQUELA ABENÇOADA DA TEMPERADA. :(

bj grande

malmal

Catarina de Angola disse...

Bem, não sei onde fica o Poço da panela. Vai ver que é pq sou de Olinda e só moro em Recife né?
Mas eu fui ao "Café com quê?" e o livro infelizmente não pode ser relançado. Era eu a menina de tranças que não parava de rir!
Mas, a conversa tava boa! Fica aqui o agradecimento, de uma sonhadora estudante de jornalismo, por você ter estado na Católica!

Rafinha disse...

fui até casa forte e procurei esse restaurante do vital. ninguém conseguiu me informar onde era.
de toda forma, parabéns. onde posso compra o livro?

Anônimo disse...

Sama,
nao tem perigo eu nao pegar um dessa vez que for ai ne?

anyway,parabens!

eu to chegando!

beijos...

paty

Ana (amiga de Zeca) disse...

Visse minha leseira? Não prestei atenção que a data estava no título! Paciência, fica pra próxima! Beijos